Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Poema inconseguido

por carlos carujo, em 13.02.14

Inconsigo compreender a poesia política austeritária do medo.

Inconsigo ser desse medo. Só consigo sonhar inconseguir o medo.

A austeridade é o medo conseguido.

 

O empreendedorismo é a modalidade de conseguimento austeritário.

Inconsigo ser empreendedor. Só consigo ser aprendedor.

A austeridade é uma contradição inconseguida.

 

Dentro das possibilidades em que nos encerram, só há lugar para vidas inconseguidas.

Inconsigo viver assim. Só consigo viver consigo.

A austeridade inconseguirá destruir-nos a vida.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:34


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.





calendário

Fevereiro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
232425262728



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D